22 de janeiro de 2010

[PERSONALIDADES] Pavatar um incentivo a postagem

Após as primeiras aparições do filme Avatar em CD's e DVD's "alternativos", o Papa (sim o sumo pontífice da Igreja Católica Apostólica Romana) se pronuncia contra a volta de uma antiga divindade pagã, o culto à natureza.
Após discuções acaloradas sobre calorias, vacas que respiram nosso ar, exportação de carnes que geram divisas de água potável para outros continentes, Mc Donald's e Nugget's senhoras e senhores, muitos Nugget's...

O Filme:
Avapat...


Ops, filme errado...

Assista Pavatar

- Spoiler -
Depois que Gargamel e seu gato foram extintos, os Smurf's se refugiaram em Pandora, se reproduziram indiscriminadamente e meditavam durante a madrugada por detrás do bambuzal, tudo na mais pura forma de conexão com a "terra" (lá ainda não existe Wireless, afinal são apenas Smurf's).


Quando P Dragon, ou Papa (não esse não é o sumo, é um termo militar usado para letra "p") Dragon, como quiserem, decide tomar para si o posto de Gargamel Mor, Smurfete e seus amigos decidem lutar ao lado do primeiro que subir nas costas do maior pavão misterioso, nosso amigo soneca que se movimenta por meio do Avatar tm...


Com seu sorriso nossa heroína Smurfete consegue derrotar sozinha a Gargamel e Cia tm (com a ajuda de alguns milhares de milhões de Smurf's e mais o cara que trepou na carcunda do pavão misterioso).
O filme ensina que todo cachorro merece respeito, assim como as galinhas, os ovos, os bois, os porcos, os peixes, os grilos, os sapos, as pererecas e as rãs, principalmente os peixes que não conseguem gritar...
Afinal animal também é gente!

E eu o mais miserável dos homens que sou, só tenho pena dos repolhos...

2 comentários:

Karen Paty Lira disse...

Vc vai ver só.

Douglas Ferreira disse...

O azul combinou com a cor dos teus olhos, rsrsrs